Chamada para Dossiê - História & Linguagens: História. Ficção. Literatura.

10/05/2021

O dossiê visa reunir pesquisadores e pesquisadoras do campo das humanidades que se debruçam sobre objetos estéticos, com ênfase nas relações entre História, Ficção e Literatura, de modo a mapear os ganhos e tensões historiográficas que estas pesquisas proporcionam. Desta forma, objetivamos coligir artigos que observem as obras estéticas, principalmente as fontes ficcionais e literárias, tais como romances, contos, poemas, peças teatrais, projetos editoriais, enquanto carregadas de historicidade, e, por isso, participantes da criação do próprio tempo em que elas se constituem: a obra de arte é criadora do tempo, pois ela está e ao mesmo tempo produz o tempo. Assim, convidamos ao envio de artigos que tratam das conexões históricas entre objetos estéticos, formas narrativas e culturais, compreendendo as diversas linguagens ficcionais em relação simbiótica com seu tempo, com suas condições de produção e circulação.

 

Prazo para o envio de artigos: 12/06/2021


ORGANIZADORES:

Evander Ruthieri Saturno da Silva. Professor adjunto na Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA). Doutor em História pela Universidade Federal do Paraná, título obtido na condição de bolsista Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), com período de estágio no exterior (doutorado-sanduíche) na University of Exeter (Reino Unido). Pela UFPR, e com bolsa da CAPES, concluiu o Mestrado em História (2016). Licenciado e bacharel em História pela Universidade Regional de Blumenau (2012). Integrante (discente) do Núcleo de Artes Visuais (NAVIS), na linha de pesquisa História e Ficção, e pesquisador do Centro de Memória Oral e Pesquisa em História (CEMOPE), na linha de pesquisa Cultura Histórica, Literatura e Memória. Possui experiência com ensino e pesquisa em História. Autor de "Bram Stoker e a questão racial" (Curitiba: Prismas, 2017), entre outros capítulos de livros e artigos publicados em periódicos nacionais e internacionais. Áreas de interesse: história e literatura; teoria e metodologia da história; história da África; história contemporânea; cultura escrita e imaginários políticos; trajetórias de intelectuais em fins do século XIX.
Ana Carolina de Azevedo Guedes. Graduou-se em História na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) em 2011. Cursou o mestrado em História Política pela mesma instituição com a dissertação "Sophia Jobim: trajetória e individualidade. Uma experiência singular do feminismo brasileiro", participando de diversos congressos na área, inclusive fora do estado. Concluiu seu doutorado em História Social da Cultura pela PUC-Rio, em 2021, onde pesquisou os escritos de Virginia Woolf e seu uso de metáforas, com o trabalho intitulado "Uma elegia à imageria: estudos sobre a metáfora a partir dos escritos literários e ensaísticos de Virginia Woolf (1911-1941). Atuou como bolsista de iniciação científica e auxiliar de pesquisa na Casa de Oswaldo Cruz/Fiocruz, entre 2010 e 2021. Suas atividades abrangem as áreas de História do Brasil, Feminismo, História da Literatura, História Política, História da Saúde e das Doenças, História da Psiquiatria, História da Imprensa, Políticas Públicas em Saúde.

Maycon da Silva Tannis. Graduado pela UERJ e Mestre pela PUC-Rio, onde cursa atualmente o doutorado, desenvolve pesquisas no campo da Teoria da História. Coordena o grupo História e Linguagens, a Revista Anima (Revista dos Discentes da Pós-graduação em história da PUC-Rio) e é membro do conselho editorial da editora Atena.

Edson Silva de Lima. Atualmente é doutorando do programa de pós-graduação em história - UNIRIO (2018) na linha de pesquisa Cultura, Poder e Representações e mestre pelo mesmo Programa de pós-graduação em História (2017) na linha de pesquisa Ensino, Patrimônio e Historiografia. Possui graduação em história nas habilitações Licenciatura e Bacharelado pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2015). Coordenador do Grupo de Trabalho interinstitucional História & Linguagens. Autor do livro Um sonho num sonho: experiência estética e hermenêutica literária nos contos de Edgar Allan Poe (1839-1845), (Porto Alegre: Editora Fi, 2020). Tem experiência na área de História com ênfase em Teoria e filosofia da História. Atuando em temas relativos a relação história e ficção, linguagem e experiência estética, literatura e sociedade, ensino de história e história da educação, história intelectual e das ideias.